Reciclagem de Eletrônicos 2.0

Olá Pessoal...

Depois de um longo período um pouco distante de vocês estou voltando com novidades bastante quentes. Hoje (14/02/2013) foi publicado pelo Ministério do Meio Ambiente o Edital de Chamamento (Documento para consulta abaixo) para Propostas de Acordo Setorial para Implantação do Sistema de Logística Reversa de Resíduos de Equipamentos Eletroeletrônicos no Brasil.

As Associações Representativas de Fabricantes, Importadores, Distribuidores, Comercio e Varejo de Equipamentos Eletroeletrônicos em âmbito federal deverão apresentar propostas para coleta e tratamento dos resíduos de equipamentos eletroeletrônicos Pós-Consumo no Brasil.

Os pontos mais impactantes neste documento são:
- Estabelecimento de Metas de Coleta baseados no volume comercializado. (17% do volume colocado no mercado no 6º ano anterior - Meta para ser alcançada aproximadamente até 2017 - Esta meta pode representar aproximadamente 200.000 Toneladas por ano);
- Pontos de coleta permanentes em 100% do muncípios brasileiros com mais de 80.000 habitantes (O que representa aproximadamente 350 municípios brasileiros);
- Pelo menos um ponto de coleta para cada 25.000 habitantes; Além destes pontos, os outros requisitos para as propostas estão contidos no documento abaixo.

Este pode ser um grande marco para o processo de Responsabilidade Extendida do Produtor de Equipamentos Eletroeletrônicos, o que eu chamo aqui de Reciclagem de Eletronicos 2.0, porém para que isto realmente se torne realidade grandes desafios deverão ser superados como por exemplo o Custo de processamento sobre os produtos órfão (cujo fabricante não está mais no mercado, ou entrou no Brasil de forma informal ou ilegal, produto pirata), Classificação dos resíduos (Perigoso ou Não-Perigoso), Classificação Fiscal, Custo Logístico entre outros problemas. Independente destes desafios as oportunidades são ainda maiores e os benefícios para o Desenvolvimento Sustentável a longo prazo serão irreversíveis.

Os atores desta cadeia terão agora 120 dias para proporem modelos que serão utilizados pelo Governo para montar uma proposta final de acordo setorial. Para nós cidadãos, usuários dos equipamentos, precisamos estar conscientes que no momento que o sistema for criado teremos que alimentar os pontos de coleta com nossos produtos usados, pois se continuarmos nos apegando a estes equipamentos e mantendo-os em nossas gavetas e armários, todo este esforço terá sido em vão.

Vamos Reciclar nossos Conceitos e estarmos prontos para uma Reciclagem de Eletrônicos 2.0

Reciclando Conceitos

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Criada a Entidade Gestora da Logística Reversa de Eletrônicos da ABINEE

São Paulo inicia a implementação do Projeto Piloto em Logística Reversa

PROJETO PILOTO DE COLETA DE RESÍDUOS ELETRÔNICOS - JICA